No Instagram, Neymar cita desafio e pede desculpa ao pai

(Foto: Reprodução)

Poucos minutos após o anúncio oficial do Paris Saint-Germain, Neymar postou um vídeo e escreveu no Instagram – em espanhol – explicando sua decisão de deixar o Barcelona para ir para o clube francês. O craque agradeceu seu ex-clube e revelou que contrariou o pai ao sair da equipe culé para ir para o PSG.

Confira o que disse Neymar:

“A vida de um atleta é movida a desafios. Alguns são impostos a nós; outros, são fruto de uma decisão nossa. Para mantermos a luz que ilumina a nossa carreira – que é intensa, mas curta. O Barcelona foi mais do que um desafio. Foi um sonho de criança, porque eu jogava com aqueles craques no vídeo-game. Cheguei à Catalunha com 21 anos cheio de desafios. Até hoje lembro dos meus primeiros dias no clube, dividindo o vestiário com ídolos como Messi, Valdes, Xavi, Iniesta, Puyol, Piqué, Busquets, entre outros. Na expectativa de atuar em um clube que é mais que um clube. O Barcelona é uma nação, que representa a Catalunha.

Tive a honra de atuar com o maior atleta que vi na vida, e que tenho a certeza não verei outro enquanto eu viver: Leo Messi. Virou meu parceiro, amigo dentro e fora de campo. Foi uma grande honra jogar com você. Formei um ataque com Messi e Suárez, que fez história. Conquistei tudo que um atleta poderia conquistar. Vivi momentos inesquecíveis. Moro em uma cidade que é mais que uma cidade. É uma pátria. Amo Barcelona e amo a Catalunha.

Mas um atleta – no caso eu – precisa de desafios. Pela segunda vez na vida, contrariei meu pai. Pai, entendo e respeito sua opinião, mas minha decisão está tomada. Espero que você me apoie como sempre fez. O Barcelona e a Catalunha estarão sempre no meu coração.

Mas preciso de novos desafios. Aceitei a proposta do Paris para tentar novas conquistas e ajudar o clube a alcançar os títulos que sua torcida espera. Me apresentaram um plano de carreira muito ousado, e me sinto pronto para esse desafio. Agradeço o carinho da maravilhosa torcida blaugrana e a tudo que aprendi com os grandes atletas com quem dividi o vestiário”.

Do Correio

Leia também Outras notícias